Pizzaria do Paulista encerrado topo
João Pessoa

Lady será transferida de João Pessoa para Santuário de Elefantes em Mato Grosso em menos de 45 dias

A decisão aconteceu após técnicos da Bica visitarem o local e atestar a qualidade do ambiente. A responsabilidade da transferência é do santuário.

30/10/2019 16h07Atualizado há 3 semanas
Por: wallisson oliveira
Fonte: clickpb

Com um final feliz, chega ao fim a história de disputa sobre a transferência ou não da Elefante Lady. A Justiça Federal decidiu, após audiência definitiva de conciliação nesta quarta-feira (30) que a elefanta Lady irá para o Santuário de Elefantes Brasil (SEB), em Mato Grosso, em um prazo de até 45 dias. 

O pedido de mudança enfrentava um impasse que se estendia desde junho, quando o Ministério Público Federal (MPF) abriu um inquérito civil para investigar a situação dela. O procedimento foi aberto depois de denúncias de maus-tratos e após a elefanta derrubar a cerca de proteção e escapar de área protegida na Bica.

No final de julho, o laudo entregue ao MPF apontou que a elefanta corria risco de morte, afirmando que o animal estava doente. 

A decisão de transferência só foi possível após técnicos da Bica visitarem o local e atestar a qualidade do ambiente. A responsabilidade da transferência é do santuário.

Para o chefe da Bica, Thiago Nery, com a transferência, a elefanta estará em um local que apresenta estrutura física e profissional para cuidar dela, tanto do ponto de vista de nutricional, quanto de manejo médico.

A audiência durou cerca de 40 minutos e teve a participação de integrantes de ONGs de proteção animal e representantes da Secretaria de Meio Ambiente (Semam), Ibama e Santuário.

Lady passou quase 40 anos realizando apresentações em circos e percorrendo o país em contêineres. Ela nasceu em cativeiro e era uma das principais atrações do Circo Europeu Internacional até ser doada à Prefeitura de João Pessoa, em 2014.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.