Pizzaria do Paulista encerrado topo
Paraíba

Documento da Polícia Federal confirma plano para matar o deputado Walber Virgolino

Lampião recebeu este alerta que o PCC estaria montando um plano para o executá-lo

03/05/2019 17h04
Por: wallisson oliveira
Fonte: clickpb

A Polícia Federal alertou o deputado estadual Walber Virgulino (Patriota) através de um documento, sobre o possível esquema para matá-lo. Segundo o documento que este colunista teve acesso exclusivo, o alerta foi emitido através de relatório nº 0035/17 em 23 de fevereiro de 2017, época em que Virgulino ocupava a Secretaria de Justiça de Cidadania do Rio Grande do Norte.

Na Sejuc do Rio Grande do Norte, Walber enfrentou a rebelião mais violenta da história do Rio Grande do Norte que aconteceu em janeiro, na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, e deixou 26 mortos. Um mês após enfrentar a rebelião, Lampião recebeu este alerta que o PPC/RN estaria montando um plano para o executá-lo. 

Em junho do mesmo ano, Virgulino enviou uma carta de exoneração ao governador Robinson Faria, Virgulino alegou "motivo de foro íntimo", simultaneamente em seu instagram, o delegado paraibano cravou a seguinte frase: "Difícil não é matar um leão por dia. Difícil é conviver com as cobras"

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.